sábado, 5 de junho de 2010

Rock - Thin Lizzy

Thin Lizzy foi uma banda de hard rock da Irlanda, formada em Dublin no ano de 1969. A banda foi liderada, ao longo de sua carreira, pelo cantor, compositor e baixista Phil Lynott, negro, filho de pai brasileiro e mãe irlandesa.
Como líder do Thin Lizzy, Lynott compôs a maior parte das canções da banda. Também foi um dos poucos negros a conseguir algum sucesso significativo no hard rock. Além de ser multirracial, a banda também se notabilizou por recrutar membros em ambos os lados da fronteira irlandesa, e das comunidades católica e protestante da ilha. Sua música reflete uma ampla gama de influências, incluindo a country music, o rock psicodélico, a música irlandesa e a música tradicional folclórica daquele país; porém é classificada geralmente como hard rock ou, por vezes, heavy metal
 John Dougan, crítico do site Allmusic, escreveu que "como a força criativa da banda, Lynott era um compositor mais inteligente e perspicaz que muitos de sua classe, preferindo os dramas de amor e ódio cotidianos da classe operária, influenciado por Bob DylanVan MorrisonBruce Springsteen e virtualmente quase toda a tradição literária irlandesa." Van Morrison, Jeff Beck Jimi Hendrix foram grandes influências durante o início da banda, e entre as influências posteriores estão os artistas americanos Little Feat e Bob Seger.
Em 1970, assinaram com o selo Decca, onde lançaram três álbuns e uma série de compactos. Nos dois primeiros álbuns, Thin Lizzy e Shades of Blue Orphanage, o estilo ainda era centrado em uma mistura de folk e blues. No terceiro álbum, Vagabonds of the Western World, eles optaram por um som mais pesado. Conseguiram colocar nas paradas de sucesso os singles Whiskey in the JarThe Rocker. A banda começava, enfim, a ter sucesso.
Em 1973, Eric Bell deixou a banda e foi substituído, temporariamente, por Gary Moore, amigo de muitos anos de Phil Lynott. Trocaram o selo Decca pelo Vertigo. O escocês Brian Robbertson e o americano Scott Gorhan assumiram as guitarras. O Thin Lizzy estava pronto para decolar.
Gravaram Nigh Life (1974), Fighting (1975) e estouraram para o mundo com o álbum Jailbreak em 1976. Seguiram-se os álbuns Johnny the Fox e Bad Reputation, ambos de 1977. O Thin Lizzy já era reconhecido como um super grupo
Em 1978, veio a consagração definitiva: foi lançado o álbum Live and Dangerous, considerado até hoje um dos melhores discos "ao vivo" de todos os tempos. Brian Robbertson deixou o grupo. Mais uma vez, Gary Moore foi chamado. Com esta formação, gravaram o álbum Black Rose em 1979. O sucesso continuou.
O ano de 1980 chegou e a banda começou a ter problemas. Phil Lynott começou a se afundar nas drogas. Gary Moore deixou a banda e foi substituído por Snowy White, ex-sideman do Pink Floyd. Phil lançou o álbum solo Solo in Soho. O Thin Lizzy gravou o álbum Chinatown.
Lançaram, em 1981, o álbum RenegadeDarren Wharton, que tocou como convidado no disco anterior assumiu os teclados como efetivo. Snowy White deixou a banda.
Em 1982, Phil Lynott lançou mais um álbum solo, The Phil Lynott Album. John Sykes, ex-Tyger of Pan Tang, assumiu uma das guitarras. Gravaram o último álbum de estúdio, Thunder and Lightning. Phil estava perdendo a luta para as drogas.
Em 1983, o Thin Lizzy fez a sua turnê de despedida com a participação dos membros anteriores, menos Snowy White. A turnê foi registrada no álbum Live Life. O Thin Lizzy não existia mais.
Phil Lynott ainda tentou continuar na ativa. Montou a banda Grand Slam, com o ex-baterista do Thin Lizzy, Brian Downey. O projeto não foi adiante. Em 1985, Phil e Gary Moore excursionaram juntos. Phil estava doente.
No dia 25 de Dezembro de 1986, Philip Parris Lynott começa a passar muito mal e em 04 de Janeiro, morreu de complicações de saúde derivadas do uso contínuo de drogas pesadas.
Para homenagear Phil Lynott, sua música e sua poesia, existe na Irlanda a Fundação Roisin Dubh (Black Rose, em gaélico), mantida por sua mãe, Philomena Lynott. Anualmente, no dia da morte de Phil, 04 de Janeiro, acontece um espetáculo em sua homenagem, o Vibe For Philo, com a presença de antigos membros do Thin Lizzy, bandas covers e convidados.
Discografia:
§  Thin Lizzy (1971)
§  Shades of a Blue Orphanage (1972)
§  Vagabonds of the Western World (1973)
§  Nightlife (1974)
§  Fighting (1975)
§  Jailbreak (1976)
§  Johnny the Fox (1976)
§  Remembering (1976) - Coletânea
§  Bad Reputation (1977)
§  Live and Dangerous (1978)
§  Black Rose: A Rock Legend (1979)
§  Continuing Saga of Ageing Orphans (1979) - Coletânea
§  Chinatown (1980)
§  Renegade (1981)
§  The Adventures of Thin Lizzy (1981) - Coletânea
§  Thunder and Lightning (1983)
§  Life (1983)
§  Live Thunder The Last Concert, Limited Version (1987)
§  The Collection (1987) – Coletânea
§  Dedication: The Very Best of Thin Lizzy (1991) - Coletânea
§  Boys Are Back in Town: Live in Australia (1999)
§  One Night Only (2000) - Coletânea
§  Thin Lizzy Greatest Hits (2004) - Coletânea
§  Thin Lizzy Box Set (2005) - Coletânea
§  Thin Lizzy New Collecction (2008) - Coletânea