quinta-feira, 2 de julho de 2009

Rush - Discografia

Hemispheres, sexto álbum de estúdio. Lançado em 29 de Outubro de 1978, foi gravado no Rockfield Studios, em Wales.

Nesse disco, o Rush continua com a tendência de usar letras inspiradas em fantasia e ficção científica com letras de Neil Peart. Semelhante ao lançamento de 1976, 2112, Hemispheres apresenta um single, uma canção épica quebrada em capítulos como a primeira metade do álbum, "Cygnus X-1, Book II: Hemispheres", enquanto a segunda metade contém duas faixas mais convencionais, "Circumstances" e "The Trees", terminando com uma faixa instrumental de 9,5 minutos, "La Villa Strangiato", com um subtítulo sugestivo: “um exercício de autoindulgência”

O álbum é um exemplo da fidelidade do Rush aos padrões do rock progressivo, que inclui o uso do épico, estruturas de músicas multi-movimento, ritmos e fórmulas de compassos complexos e solos de guitarra flexíveis, como aqueles encontrados em "La Villa Strangiato".

Hemispheres foi o 4º Álbum de Ouro consecutivo do Rush, ganhando platina nos EUA, logo depois. Por um curto período de tempo, o disco foi fabricado em vinil vermelho.

Faixas

1) Cygnus X-1 Book II "Hemispheres"

I. Prelude

II. Apollo: Bringer of Wisdom

III. Dionysus: Bringer of Love

IV. Armageddon: The Battle of Heart and Mind

V. Cygnus: Bringer of Balance

VI. The Sphere: A Kind of Dream

2) Circumstances

3) The Trees

4)La Villa Strangiato (An Exercise In Self-Indulgence)

I. Buenos Nochas, Mein Froinds!

II. To sleep, perchance to dream...

III. Strangiato Theme

IV. A Lerxst in Wonderland

V. Monsters!

VI. The Ghost of the Aragon

VII. Danforth and Pape

VIII. The Waltz of the Shreves

IX. Never turn your back on a Monster!

X. Monsters! (Reprise)

XI. Strangiato Theme (Reprise)

XII. A Farewell to Things